25
01/14
4
visualizações

Cartão vermelho

Inacreditável que um anunciante de porte como

o Carrefour lance uma promoção que diz assim:

“Cartão vermelho para os preços altos”,

Desde os anos 60 eu não assistia a algo tão deprimente

em termos de varejo na TV. Devem estar precisando

uma agência de publicidade melhor…ou um

diretor de marketing melhor.

Cartão Vermelho é dose!

.

JJ

.

23
01/14
27
visualizações

Copa vale 20 SuperBowls, diz o Advertising Age

"Copa vale 20 Super Bowl" diz Ad Age

A menos de duas semanas do evento esportivo mais importante dos Estados Unidos, o Advertising Age fez uma comparação entre as cifras movimentadas pelo Super Bowl com o investimento em mídia televisiva durante a Copa do Mundo de 2014, que será realizada no Brasil nos meses de junho e julho.

Ao comparar o preço das cotas de patrocínio comercializadas pela TV Globo, a emissora oficial do evento da Fifa, com o valor da inserção de 30 segundos cobrado pela Fox para os anunciantes que quiserem aparecer no Super Bowl, a publicação norte americana concluiu que cada cota da Copa corresponde a 20 da final da temporada da NFL.

No texto, o Advertising Age explica que os oito patrocinadores da transmissão da Globo (Johnson & Johnson, Coca-Cola, Hyundai, Oi, Ambev, Itaú, Nestlé e Magazine Luiza) tiveram de pagar à emissora um preço de tabela de US$ 75 milhões por cota (R$ 179,8 milhões). Com essa quantia, daria para um anunciante adquirir 20 comerciais no Super Bowl 2014, cujo preço de tabela é estimado entre US$ 3 milhões e US$ 4 milhões.

Apesar de avaliar numericamente o preço dos eventos, a reportagem considera que a Copa do Mundo e o Super Bowl possuem uma entrega de mídia completamente diferente. O texto aponta que, durante a Copa, o Brasil viverá um Super Bowl por dia, com um mês de jogos e de grande exposição dos anunciantes na mídia.

A reportagem do veículo norte-americano entrevistou Anco Saraiva, diretor de marketing da Rede Globo, que detalhou todo o plano comercial do Mundial de 2014, ressaltando que os anunciantes terão 1.120 inserções ao longo de todo o evento, participando de toda as transmissões, programas jornalísticos e atrações que a emissora exibir tendo a Copa do Mundo como tema.

Fonte: Meio e Mensagem

23
01/14
3
visualizações

Novidade: hamburgueria do Grêmio.

As três marcas desenvolvidas pela ETC Propaganda: uma delas será escolhida pela torcida do clube

O Grêmio pretende se tornar o primeiro clube de futebol do mundo a criar uma rede de lanchonetes temática. Em parceria com a Sport Food, o tricolor gaúcho espera inaugurar cinco lojas ainda neste ano. O nome da rede será escolhido pelos torcedores através de votação pela internet entre três opções previamente selecionadas: Brasa Azul, Triburger e Hamburgueria 1903.

O modelo de negócio prevê três operações diferentes: lojas em praças de alimentação de Shoppings Centers, lojas de rua e lojas móveis. A área das unidades varia entre 15 metros quadrados e 80 metros quadrados e o investimento vai de R$ 195 mil a R$ 640 mil. Segundo Fernando Ferreira, executivo da Sport Food, a meta do projeto é chegar a 90 unidades em cinco anos.

Além do recebimento dos royalties sobre o volume de vendas da operação, haverá duas datas por ano em que o lucro operacional será integralmente do Grêmio. O sócio gremista também será beneficiado com descontos na compra dos produtos oferecidos pela rede – hambúrgueres, sanduíches, grelhados, pratos rápidos, saladas, sobremesas e bebidas.

“Em um País onde 37% dos gastos são com alimentação fora de casa, precisávamos de um novo produto que nos beneficiasse com o fato de possuirmos o título da torcida mais fanática do Brasil, devido ao engajamento de nossos sete milhões de torcedores”, diz Beto Carvalho, executivo de marketing do clube.

A primeira loja deve ser aberta em cerca de 90 dias. A Pluri foi a idealizadora e responsável pela formulação inicial do projeto, enquanto a Cherto, empresa de consultoria, realizou a pesquisa de viabilidade de negócio e expansão. A ETC Propaganda criou os três nomes e marcas para a votação na internet.

Fonte: Meio e Mensagem

23
01/14
11
visualizações

CNA patrocina o Santos.

O Santos terá o CNA como um de seus patrocinadores neste ano. Com o contrato fechado com o clube nesta terça-feira (21), a rede de escolas de idioma poderá estampar sua marca nas camisas de jogo e treino dos atletas e da comissão técnica, além de placas no Centro de Treinamento Rei Pelé e em backdrops das coletivas de imprensa e entrevistas.

Também está previsto no contrato que o CNA conduzirá uma série de ações de cunho educacional, oferecendo aulas de inglês aos jogadores e demais funcionários da agremiação, e com professores da rede atuando como interpretes em possíveis entrevistas realizadas na língua inglesa.

A previsão de estreia do uniforme com a marca do CNA é o próximo domingo (26), quando o Santos enfrente o Ituano em partida válida pelo Campeonato Paulista. O logo será estampado na manga da camisa e, nos próximos jogos, estará na omoplata.

Paulista de Jundiaí

Outro clube que fechou patrocínio recentemente foi o Paulista de Jundiaí, que terá como parceiros durante o Campeonato Paulista a Locaweb e a rede Outback Stakehouse. Intermediado pela Wolff Sports, o acordo prevê que as empresas tenham espaço para suas marcas no uniforme do time, backdrop da equipe e no site oficial.

Para o jogo desta quarta-feira (22) contra o Corinthians, em Americana (SP), o Outback terá sua marca estampada também nos ombros do uniforme do Paulista.

-

Fonte: propmark

22
01/14
34
visualizações

O show de marketing e de basquete da NBA.

A popularidade do Super Bowl já é conhecida do mercado e, neste ano, não deverá ser diferente. Há expectativa de aumento de audiência inclusive, já que a final ocorrerá mais ao norte dos EUA, em Nova Jersey, sob condições climáticas rigorosas. Por isso estima-se que a Fox, detentora dos direitos do jogo entre Denver Broncos e Seattle Seahawks em 2 de fevereiro, esteja vendendo a inserção por cerca de US$ 4 milhões. Até agora, 26 marcas confirmaram presença no evento (veja o quadro abaixo). As peças veiculadas nos intervalos, superproduzidas e inovadoras, costumam ser referência para o mercado global.

No ano passado, 108,4 milhões de pessoas acompanharam ao vivo a vitória do Baltimore Ravens. Em 2012, a audiência foi ainda maior: 111,3 milhões de espectadores. Tais números conferem ao Super Bowl o título de evento mais assistido da TV americana.

No Brasil, as emissoras com direitos de transmissão têm se esforçado para cativar o público e, até certo ponto, têm obtido sucesso. “Há alguns anos, quando começamos a transmitir os jogos, era impensável encontrar pessoas com bolas de futebol americano nos parques ou ver os jovens discutindo detalhes das jogadas e dos times nas redes sociais, como vemos hoje”, diz Marcelo Pacheco, vice-presidente de marketing e vendas da ESPN. “Fomos educando o público a compreender o esporte e conseguimos tirá-lo da categoria de nicho”. A equipe da ESPN já está em Nova Jersey para acompanhar o clima da cidade e, neste ano, contam com um comentarista especial: Johnny Mitchell, ex-jogador da NFL e técnico do time brasileiro Coritiba Crocodiles.

O maior interesse brasileiro pelo esporte se reflete no departamento comercial do canal. Para a atual temporada da NFL, que começou em setembro, a ESPN comercializou sete cotas de patrocínio: Applebee’s, Conti Bier, Head & Shoulders (P&G), Mitsubishi, Johnnie Walker, Sony e Axe (Unilever), única que estará presente na transmissão americana. O pacote abrange diversas inserções a temporada e o Super Bowl, e cada cota custou US$ 5 milhões.

O Esporte Interativo também transmite, desde 2012, a NFL. Segundo André Henning, narrador da NFL no canal, mesmo antes do Super Bowl nota-se o aumento crescente pelo esporte: dados do próprio Esporte Interativo apontam que, na média, a temporada 2013/14 rendeu um público de 24,5 milhões de pessoas.

No 48º Super Bowl, Henning terá apoio de comentaristas e promete explorar bem os intervalos. “É importante aproveitar esses momentos para dialogar com a audiência e dar informações interessantes”, diz. Um estúdio será especialmente preparado para a transmissão do Super Bowl 2014.

Fonte: Meio e Mensagem

COMENTÁRIO

As pessoas que se dizem profissionais de marketing e que trabalham no esporte brasileiro – especialmente no futebol, basquete e volei – deveriam ir estudar o marketing esportivo nos Estados Unidos. O que eles fazem é um show maravilhoso, antes, durante e depois dos jogos, assim com com relações com a comunidade. Por isso, os torcedores amam seus clubes e compram tudo que podem com a marca dos seus clubes.

No Brasil ainda rastejamos, quando o assunto é marketing esportivo.

Desculpem os que se sentirem ofendidos, mas é a mais pura verdade.

JJ

-

PS.: Há mais de 15 anos fui assistir a uma partida do Orlando Magic, na arena deles. Bem, na chegada meu filho e eu ganhamos um boné do Orlando Magic (lá é jogo de uma torcida só). Dentro da arena, um show de lojas do Magic e de lanchonetes tipo Subways, McDonals, Werndy’s, Pizza Hut e outras. Claro que deixei 300 dólares só nas lojas do time, em camisetas, agasalhos e souvenirs para nós dois.

Depois, lá dentro, um espetáculo de luzes e sons como nunca vi no Brasil – enquanto um dirigível do Orlando Sentinel sobrevoava a arena por dentro. Lasers, medidores de decibéis que estimulavam a torcida a gritar cada vez mais alto, para bater seu próprio record, trilas sonoras de ataque e de defesa. Um show inesquecível. Uma aula – há 15 anos…

22
01/14
13
visualizações

A seleção de craques da Pepsi.

Latinhas da Pepsi com os jogadores chega ao mercado em marçoLatinhas da Pepsi com os jogadores chega ao mercado em março

Em campanha para a Copa, a Pepsi reuniu 19 dos melhores jogadores do mundo para sua seleção. Os atletas participarão de comerciais da marca, que serão lançados ao longo do ano. Já a partir de março, as latinhas do refrigerante terão uma edição limitada com fotos de Messi, Sergio Agüero, Jack Wilshere, David Luiz, Robin van Persie e Sergio Ramos.

Além do sexteto, integram a seleção da Pepsi os jogadores Juan Guillermo Cuadrado (Colômbia), Clint Dempsey (EUA), Tarik Elyounoussi (Noruega), Maynor Figueroa (Honduras), Mario Gomez (Alemanha), Vincent Kompany (Bélgica), Kemar Lawrence (Jamaica), Victor Moses (Nigéria), Peter Osaze Odemwingie (Nigéria), Oribe Peralta (México), Andriy Pyatov (Ucrânia), Mohamed Salah (Egito) e Gylfi Por Sigurðsson (Islândia).
Fonte: Meio e Mensagem

18
01/14
1
visualizações

Novo!

17
01/14
3
visualizações

Sony distribuirá 2 mil ingressos para a Copa aos seus clientes.

A Sony lançou nesta semana a campanha “2 mil ingressos na cara do gol”, que distribuirá entradas para jogos da Copa do Mundo 2014. Participam da ação consumidores que efetuarem compras de R$ 250 em produtos da marca e cadastrarem seus cupons no site da promoção. Os sorteios acontecem em abril.

“Esta campanha distribuirá 2 mil ingressos para a privilegiada categoria 1, localizada na região central do estádio, de onde o torcedor terá os melhores ângulos das partidas”, explica o diretor de marketing da companhia, Carlos Paschoal. A ação está alinhada ao conceito “Viva a Copa da sua vida”, que a Sony explora como patrocinadora oficial do mundial.

Fonte: propmark

17
01/14
0
visualizações

Pelé é o novo embaixador mundial da Emirates.

Além de embaixador global da Emirates, Pelé é presidente de honra do Cosmos, time americano também patrocinado pela companhia aérea

Uma das marcas presentes no time de patrocinadores oficiais da Fifa, a Emirates Airlines anunciou nesta quinta-feira, 16, Pelé como embaixador global da companhia. A iniciativa é parte da estratégia de marketing da Emirates para a Copa do Mundo no Brasil.

Para anunciar a novidade, a empresa realizou coletiva de imprensa em Dubai, com a presença do “rei do futebol”. Trata-se da segunda iniciativa da companhia aérea nesse sentido. Em 2006, ela já havia eleito o ex-jogador alemão Franz Beckenbauer como embaixador global da marca, durante a Copa da Alemanha (e foi naquele ano que começou a parceria da empresa com a Fifa).

Fonte: Meio e Mensagem

16
01/14
5
visualizações

O bebê herdeiro…do diabo.

As pegadinhas, vez ou outra, são artimanhas utilizadas em ações de marketing pelo mundo. Uma campanha para divulgar o filme “O Herdeiro do diabo”apostou na estratégia para angariar atenção das pessoas nas ruas e nas redes sociais.

A ação consistia em deixar um carrinho de bebê em uma rua de Nova York. Assim que uma pessoa checava porque ele estava sozinho, o susto: um bebê diabo movido por controle remoto aparecia, causando gritos de horror. A iniciativa foi criada pela Thinkmodo.
Fonte: Meio e Mensagem

15
01/14
1
visualizações

Quiospa!

14
01/14
21
visualizações

Grande apelo promocional.

14
01/14
9
visualizações

A volta das garrafinhas da Coca-Cola.

Sucesso é reeditado com versão de alumínio Sucesso é reeditado com versão de alumínio

Mania no Brasil nos anos 1980, as miniaturas de garrafas de Coca-Cola serão relançadas pela companhia em 2014 com uma promoção. A iniciativa tem relação com a Copa do Mundo e as minigarrafinhas chegam em 18 modelos de alumínio decoradas com as bandeiras de todos os países que já sediaram o Mundial (Argentina, Chile, Uruguai, México, Estados Unidos, Inglaterra, Alemanha, Espanha, França, Itália, Suécia, Suíça, África do Sul, Japão, Coréia do Sul), além dos três próximos países-sede (Brasil, Rússia e Catar).

A marca também retomará o miniengradado que abrigava as garrafinhas. O lançamento oficial da promoção “Minigarrafinhas de Todo Mundo” será no dia 15 de janeiro com uma campanha criada pela JWT Brasil. Para levar uma garrafinha o consumidor deve juntar tampas de garrafa ou anéis de latinhas que somem quatro pontos (de acordo com a cor, que pode ser verde ou cinza) e ainda acrescentar o valor de R$ 3,80.

Para dar amplitude à ação, a Coca-Cola criou uma torcida virtual na internet. Por meio de um aplicativo que estará disponível na Apple Store e Android Market, quem fizer o cadastro poderá criar um personagem e enviar uma mensagem para os outros torcedores.

Já os consumidores que tiverem adquirido a minigarrafinha, poderão usar a câmera do celular para reconhecer as ilustrações de cada miniatura e em seguida dar início a animação customizada dos países e à interação entre os torcedores nacionais e os estrangeiros cadastrados na promoção. Toda a conversa acontece no ambiente do Facebook.
Fonte: Meio e Mensagem


QUERO SABER COMO FAÇO PARA COMPLETAR A MINHA COLEÇÃO DE GARRAFINHAS,SE PROMETERAM FAZER A PROMOÇÃO DO DIA 15/01/14 A 15/04/14 E ACABARAM ANTES DESSE PRAZO. ESTOU MUITO TRISTE E AO MESMO TEMPO CHOCADA EM VER QUE A EMPRESA COCA-COLA NÃO CUMPRE COM OS SEUS DEVERES E OBRIGAÇÕES!!!COMO CONSUMIDORA FIQUEI MUITO DECEPCIONADA,E SE A PROMOÇÃO ACABOU COMO AINDA DEIXAM PASSAR EM HORÁRIO NOBRE ESSA CAMPANHA? ISSO SE CHAMA DE PROPAGANDA ENGANOSA E POR ISSO TENHO O DIREITO DE SABER E A EMPRESA COCA-COLA O DEVER DE ME DAR ALGUMA EXPLICAÇÃO DE COMO TERMINAR MINHA COLEÇÃO,POIS ME FALTARAM SÓ 3 GARRAFINHAS QUE SÃO DOS PAÍSES: CHILE,ÁFRICA DO SUL E CATAR….SEM MAIS AGUARDO UMA RESPOSTA EM BREVE.POIS NEM OS TELEFONES QUE MANDAM A GENTE ENTRAR EM CONTATO ATENDEM NÓS OS CONSUMIDORES.FICA AQUI O MEU TOTAL DESCONTENTAMENTO:MÁRCIA.



    Márcia, apenas escrevo meu blog sobre publicidade e marketing. Não sou da Coca-Cola, não tenho nada a ver com a Coca-Cola. Procure a Coca-Cola, ou o Procon. Lamento seu incômodo.

    JJ


07
01/14
22
visualizações

Coca-Cola dá boas vindas para a Copa.

Já há algum tempo 2014 tem sido chamado de “o ano da Copa” no país e a Coca-Cola, parceira da Fifa, aproveitou a virada do ano para lançar a campanha “Boas vindas”, que mostra como o Brasil está de braços abertos para receber as equipes que disputarão o torneio e seus torcedores. A comunicação, criada pela Wieden+Kennedy brasileira, é veiculada desde 26 de dezembro em 16 países, entre eles Argentina, China, Colômbia, Espanha, Guatemala, Índia, Inglaterra, Japão e Panamá.

Com conceito “Copa de Todo Mundo”, a campanha tem como inspiração o espírito do povo brasileiro e seus personagens são cidadãos comuns, que aparecem nas peças convidando os torcedores de todo o mundo a viajar para o Brasil e torcer pelo seu país. Durante o ano de 2013, o fotógrafo Jorge Bispo registrou imagens de brasileiros nas ruas de diversas cidades. Ao todo, mais de 300 pessoas posaram para as fotos que servirão como anúncios no mundo todo.

“As fotos começaram a chegar e víamos tanta verdade e emoção no rosto desses brasileiros que achamos pouco mostrá-las apenas no Brasil. Resolvemos levar, então, a campanha para o mundo todo. Quisemos dar a possibilidade aos brasileiros de levarem todo o calor desse povo e a hospitalidade tão famosa para o mundo inteiro sentir que essa Copa será especial”, afirma Javier Meza, vice-presidente de marketing da Coca-Cola Brasil.

No Brasil, as fotos serão utilizadas em outdoors e em postagens nas redes sociais, onde novas imagens serão divulgadas a cada semana.

30
12/13
1
visualizações

Liquidação no Brasil.

27
12/13
2
visualizações

Promossão…

20
12/13
6
visualizações

Samsung completa time de craques que vai combater aliens…

—-

A fórmula de unir grandes craques em superproduções já foi extremamente interessante e rentável para as marcas Nike e Adidas, que pareciam travar uma guerra intergaláctica para ver quem juntava o maior número de estrelas de futebol no mesmo comercial. Quem não se lembra de campanhas históricas como “Torneio Secreto” (veja aqui) e “José + 10” (veja aqui).

A Samsung não é uma marca esportiva mais já entrou nesse olimpo. E o que é melhor, utilizando atletas das duas marcas acima, em sua nova campanha global “Galaxy 11”, possivelmente o maior investimento de sua história. A criação é da R/GA.

Com temática futurista e o futebol como enredo, a campanha conta a saga de 11 jogadores de futebol, que se unem para salvar o planeta Terra da dominação alienígena.  Para dar início aos trabalhos com esse time galáctico, a Samsung convidou o alemão Franz Beckenbauer para ser o técnico.

A campanha começou quando figuras bizarras vestidas de preto invadiram os estádios da Europa. As cenas ganharam a atenção da mídia e mostraram os “alienígenas que queriam acabar com o futebol”. Foi então que um vídeo fez sucesso e colocou a propaganda no jogo. Nele, Beckenbauer concedeu uma “entrevista” para explicar que montaria o seu time para combater o “problema dos aliens”.

De maneira planejada, a convocação de cada jogador ganhou um filme. Evidentemente, ao final de cada peça, surgia no público a expectativa de quem seria o próximo convocado. Nesta semana, porém, a seleção ganhou o seu capitão “Messi”, que fechou “o mais poderoso time de futebol da história”.

A escalação é a seguinte:

1. Lionel Messi (Argentina; Captain)
2. Mario Götze (Germany)
3. Oscar dos Santos Emboaba Jr. (Brazil)
4. Wu Lei (China)
5. Stephan El Shaarawy (Italy)
6. Victor Moses (Nigeria)
7. Radamel Falcao (Colombia)
8. Lee Chung-Yong (South Korea)
9. Iker Casillas (Spain)
10. Wayne Rooney (England)
11. Landon Donovan (United States of America)
12. Alexander Kerzhakov (Russia)
13. Cristiano Ronaldo (Portugal)

Evidentemente Neymar ficou de fora, já que é patrocinado pela rival Panasonic. Além disso. Cabe observar que a Samsung selecionou um jogador de cada país, sem repetir nenhum, para ganhar ainda mais poder de capilaridade. O trabalho também contempla um hotsite de tirar o chapéu.

Abaixo você confere o mais recente filme com todas as estrelas. Não é o último filme e certamente a campanha deve render ainda muitos likes e mídia espontânea para a marca de eletroeletrônicos.

Fonte: Adnews

19
12/13
4
visualizações

Curitibana Promova Ideias desenvolve blitz para O Boticário, em 190 cidades brasileiras.

A blitz de Natal de O Boticário, que vai percorrer 190 cidades brasileiras com a campanha “Por mais laços de carinho” é assinada pela Promova Ideias, agência paranaense de Live Marketing. A ação oferece um momento de beleza para as consumidoras, informa sobre as variadas opções de kits-presentes da marca e reforça os benefícios da promoção “Linda para Sempre”. As cidades foram selecionadas estrategicamente pela marca paranaense de cosméticos e todas possuem pelo menos uma loja do Boticário.

Segundo a diretora da Promova Ideias, Patrícia Galão, foi montada uma estrutura com 23 vans que irão circular nas praças das regiões Sul, Sudeste, Norte, Centro Oeste e Nordeste, com um staff treinado para atender os consumidores. “O público usufrui de um momento especial de beleza com os produtos da marca e aproveita para conhecer os diferentes kits de Natal e as promoções de O Boticário, um estímulo para despertar o desejo de compra e que tem se mostrado muito eficiente para alavancar o movimento nas lojas durante o período de maior aquecimento do varejo”, declara a especialista em live marketing.

“A ação faz parte do movimento Por mais laços de carinho, criado pela marca contempla a proposta de estimular esses pequenos gestos de gentileza que melhoram a vida das pessoas. Essas experiências de live marketing deixam o consumidor mais próximo da marca”, finaliza Patrícia.

A ação ocorre até o dia 21 de dezembro e passará pelas capitais e importantes cidades de cada região do País.

Sobre o Grupo Promova

O Grupo Promova atua há 17 anos com live marketing, destacando-se na realização de eventos, estandes para feiras de negócios, ativação da marca, ações promocionais, trade marketing, ações de incentivo, relacionamento e endomarketing. E o segredo desse destaque está na criatividade das ideias e na força da execução.

-

Fonte: Lide

13
12/13
0
visualizações

Por uma boa causa, do Hospital Evangélico de Curitiba.

Quem adquirir ingresso para o evento beneficente do Hospital Evangélico de Curitiba no Teatro Guaíra, na próxima terça-feira (17), vai concorrer ao sorteio de um carro zero quilômetro da marca Renault, modelo Sandero “Authentique” 1.0. O objetivo do espetáculo denominado “Saúde é um ato de amor” é arrecadar fundos para a compra de material de uso hospitalar.

No programa constam a apresentação do clássico de Natal “Quebra Nozes” pelos integrantes da Escola de Dança Teatro Guaíra, e o show da banda de rock curitibana Blindagem com a participação especial do cantor Zé Rodrigo.

A abertura do evento, às 20 horas, estará a cargo do ator e diretor João Luiz Fiani. Os ingressos podem ser adquiridos no Hospital Evangélico (Alameda Augusto Stellfeld, 1908 – Bigorrilho) ou pelo telefone (41) 3240-5000.  A inteira custa R$ 100,00 e a meia-entrada R$ 50,00.

Cada ingresso será trocado no teatro – no dia do espetáculo – por um ticket contendo cinco números. O número vencedor será sorteado pela Loteria Federal da Caixa no próximo dia 28 de dezembro.

11
12/13
6
visualizações

Numa tremenda de uma fria.

A Rossi anunciou que a entrada valeria o dobro, na promoção do final de semana passado.

Quase fui comprar um apartamento com 50% de desconto…era só dar a entrada no valor de 50% do imóvel.

Tem gente que pensa que entende de marketing, promoção e publicidade e coloca o anunciante numa tremenda fria…

Claro que quem aprovou, pelo anunciante, também não avaliou o risco.

E não havia nada informando sobre limites para a entrada, por, por exemplo, 20% do valor do imóvel.

O desespero está grande: muita oferta, preço elevadíssimo e pouca venda.

Vão ter que reduzir seus lucros.

Ouvi, de uma liderança do segmento imobiliário que eles testaram elevar os preços e os clientes aceitaram…Bom né?

Conselho de amigo: não é hora de comprar imóveis novos, pelo menos em Curitiba.

Os preços vão cair, logo, logo. Esperem.

JJ

Página 5 de 21Primeira...4567...1015...Última